sábado, 4 de junho de 2022

ROXETTE VIVE! NOVO SINGLE

Foi lançado ontem, 3 de Junho de 2022 o single THE LONELIEST GIRL IN THE WORLD (A GAROTA MAIS SOLITÁRIA NO MUNDO). O primeiro trabalho de um novo álbum que leva  o nome ROXETTE, apesar de já não contar mais com a banda desde o falecimento de Marie Fredriksson em 09 de Dezembro e 2019, por conta de um câncer. Desde então, Per Gessle, o parceiro vocalista, guitarrista, compositor e produtor leva o nome consigo, pois é inegável a associação e penso que ele tem mais do que direito. Assim como Marie, a carreira é a sua grande paixão e motivação de viver. Por que não manter Roxette se, aonde quer que vá, as pessoas sempre associam? Ele até tentou, mas não conseguiu o mesmo êxito sem a marca. Quando viam seu nome, tinha que explicar, "sou o vocalista do grupo Roxette" -- ROXETTE era como a senha para poder ser aceito no clube. Então teve a ideia de adotar o nome PG ROXETTE, que significa Per Gessle Roxette. 

Durante esse tempo, veio colhendo os frutos de empreitadas boas, como o material engavetado de HELP!, produzido nos anos 90, e a bela versão de NOTHING ELSE MATTERS, homenageando a banda METALLICA. Essa versão contou com o vocal de Helena - uma cantora que sempre esteve meio que no 'puxadinho' de Roxette, fazendo os fãs da Marie olharem-na com desconfiança e incômodo, como aquela visita indesejável. Sempre gostei de Helena, desde a primeira vez. Acho que a suavidade dela não substitui, mas soma. Mas só agora, sem Marie, os fãs vêm aceitando mais a ideia e olhando ela como aquela boa e velha amiga. Que nem quando morre a mulher e o cara passa a ter mais amizade com aquela amiga, sabe? Mas agora não é malvisto. A gente deixa. rsrs... Só para esclarecer, Per e Marie não eram casados um com o outro, nem namorados, cada um tem sua própria família. A questão é que Roxette se apresentava no mundo como um grupo, uma banda, mas passamos a reconhecê-los como uma dupla. Então Helena, Vicky (e outra que não me lembro o nome) eram algo à parte.

Neste novo single há um B-side chamado SUNFLOWER, justamente com Helena protagonizando. Per já falou que não tem intenção de incluir essa faixa no novo álbum, previsto para Setembro. Espero que ele mude de ideia, pois essa música é maravilhosa (pode até ofuscar o single, já que Roxette é reconhecido por baladas) e acaba de ter a aceitação de muitos fãs, algo meio que inesperado, pois é a Helena, né? A gente faz de conta que a Marie mandou ela tomar conta do Per agora. rsrs...

Roxette ainda mantém fãs em muitos lugares. Principalmente na Europa, a marca é forte. O novo single (THE LONELIEST GIRL IN THE WORLD) acaba de emplacar na Billboard, que não faço a menor ideia do que seja, mas parece algo importante. Mas a gente tá querendo SUNFLOWER, Per! É!

O single e o B-side estão no Spotify e no Youtube Music (credito que nas outras plataformas também). Até quem não é assinante consegue ouvir na íntegra. Já ouvi umas 100 vezes e não sou assinante. Eu adoraria comprar o novo álbum físico (já tem o single físico na Europa) mas desanima só imaginar o preço. Também, não tenho onde tocar. Fica a pergunta, se farão encarte com fotos e letras das músicas. Acredito que sim.

Per fez questão de anunciar que este álbum terá uma sonoridade que lembrará os primeiros (e melhores) anos de estouro da banda. De fato, o novo Single lembra o que Roxette tinha de melhor, acabou me pegando de jeito e tem causado engajamento nos fãs, o que é ótimo.

Pois é, Seu Zé! O mundo gira, a vida continua e a gente vai seguindo em frente, do jeito que der, pois a vida não dá uma paradinha ali, no canto, esperando a gente ter vontade de seguir com ela.

Foi neste link que vi o clipe do single e ouvi a B-side:

https://pgroxette.lnk.to/TLGITW

Minha vontade é que o pessoal que curte Spotify e similares faça como eu: ouça THE LONELIEST GIRL IN THE WORLD no modo repeat. É importante que músicas boas atinjam boas métricas. Não vamos deixar a garota mais solitária do mundo na mão.



6 comentários:

  1. Olá, Fabiano!
    PG está bem para um sessentão. E sua voz continua a mesma, me parece. Como já era meio "rouco", a idade não o afetou.
    Sobre essa Helena... vai que ele está testando vozes femininas por aí para emplacar uma vocalista definitivamente.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A voz está bem, sim. Ele andou com umas ideias de testar canções com efeitos de sintetizadores na época do Good kharma. Isso ajudou na voz da Marie, pois ela estava um tanto fraca para cantar as notas de costume (o povo percebeu e comentou nos grupos). Porém, essa artificialidade meio que não agradou muito os fãs. Ele também teve uma ideia de manter a voz da Marie por meio desses mecanismos. Disse que parece real e tal, mas algo aconteceu que a ideia não vingou. Arrisco dizer que deve ter sido o marido e os filhos dela que não devem ter gostado nada da ideia. Esse pessoal é meio doido. Lembro que anunciaram o passamento dela no dia seguinte, quando ela já tinha sido até enterrada, e depois vieram com a ideia dos fãs escreverm recados para agregar em uma espécie de grimório, mas os fãs teriam que pagar. Ela ganhou muito dinheiro, mesmo longe da banda, pois fez exposição de algumas coisas. Vivia bem. Quase que uma rainha. Achei essa homenagem descabida.
      Ele testa muita coisa, sim. Mas curioso que desta vez resolveu retornar a algo mais clássico da banda. Por enquanto está dando certo.
      Helena não precisa de Roxette para nada. Ela tem as músicas dela e a vida dela. Só não tem a fama toda. Muito do que eles produzem fica restrito ali na Suécia, Alemanha e algum outro país europeu. Helena tem um talento que o mundo ainda precisa conhecer. Uma vez ele meio que tentou agrega-la. Isso foi logo quando a Marie se afastou na primeira vez, acho que era 2005, não sei ao certo , por conta do tumor na cabeça. Os fãs só faltaram fazer um ritual pra encomendar a alma dele, tamanha reação negativa. Época do Orkut. Toda vez que "vazava" um trabalho dela produzido por ele, que nem tinha a ver com Roxette, pessoas reagiam com desconfiança. Tipo "porque alguém comportou isso no grupo? Roxette is Per Gessle e Marie Fedrikssom. Não tem Helena". Rsrs...

      Excluir
    2. Ola Fabiano… Fabiano aqui também. Na verdade a marca Roxette já foi usada pelo Per em 1984 quando ainda não tinha uma vocalista definitiva. A empreitada não emplacou, mas foi um bom primeiro passo. Marie será sempre insubstituível mas gosto da ideia de continuar já que o amor dele pelo grupo se mantém. Só espero que ele seja fiel ao estilo e quando inovar, o faça dentro de um regional ao estilo do que o Roxette clássico faria.

      Excluir
    3. Dentro de um racional e não regional

      Excluir
  2. Vc não sabe de muita coisa pelo visto…. Mas deixa assim… passar informações sem noção do que fala…. E a outra backing vocal se chama Dea Norberg que teve muito mais horas de convivio com a banda… e a Helena na verdade é chaaaattaaa que dói (nos ouvidos)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto da Helena. Não vejo motivo para birra de vocês. Seja leve, viva leve. Eles não pagam tuas contas. Um abraço

      Excluir